Passar para o conteúdo principal
x
Workshops - Plano de Ação Local: Cascais - Cidade Amiga das Criança
Segunda, Setembro 9, 2019

Em 2017, o municipio de Cascais iniciou a sua candidatura ao reconhecimento como Munícipio Amigo das Crianças pelo Comité Português para a UNICEF. Neste âmbito e por Cascais ser um munícipio em que a voz, as necessidades, as prioridades e os direitos das crianças são parte integrante das decisões, das políticas e dos programas municipais como resultado de uma política coordenada para a infância e a adolescência. 

A implementação do primeiro Plano de Ação Local (2019-2021) iniciou-se este ano e integra diversas medidas e iniciativas a serem desenvolvidas por várias áreas de ação da Câmara Municipal de Cascais (CMC).

Presidente da CMC, Carlos Carreiras, escreveu sobre esta iniciativa que "um dos elementos fundamentais deste programa é a aposta na participação das crianças e jovens na vida da comunidade como elemento essencial para o exercício da cidadania e para o desenvolvimento de um sentimento de pertença, reconhecendo as crianças como atores sociais. Para que esta participação seja efetiva é fundamental criarmos oportunidades e condições para que possam expressar a sua opinião e contribuir para a tomada de decisões políticas que as afetam no seu dia-a-dia no território de Cascais"

Neste âmbito, decorreu no dia 9 de setembro, na EB Raúl Lino, vários Workshops para aferir os contributos de diversos jovens, entre os 0 e os 18 anos para fazer de Cascais uma melhor casa para todas as crianças e jovens. Esta auscultação foi feita tendo em conta distintas áreas de intervenção, passando pela cultura, o desporto, a juventude ou a mobilidade, divididos em grupos de faixas etárias e num grupo de pais.

Após a cerimónia de abertura realizada pelo Presidente da CMC, tiveram início os Workshops que foram concluídos com uma apresentação em plenário a todos, para cada grupo apresentar as conclusões do trabalho desenvolvido. Após isto, foi oferecido a todos os participantes um almoço e animação pela tarde fora, com música ao vivo, dança e jogos tradicionais. Todos os participantes tiveram ainda direito a levar uma planta para casa, como símbolo de responsabilização pelo contributo que deram hoje para fazer de Cascais um local cada vez melhor para se viver.

 


Sobre Cascais