Passar para o conteúdo principal
x
SingularityU Portugal Summit Cascais | NOVA SBE Carcavelos
Quinta, Outubro 4, 2018

É já nos dias 8 e 9 de outubro que a NOVA SBE – School of Business and Economics, em Carcavelos, vai receber a Singularity University (SU), uma comunidade global que recorre a tecnologias exponenciais para dar resposta aos maiores desafios globais, apostando na construção de um futuro melhor para todos. 

Uma parceria entre a Câmara Municipal de Cascais, a Nova SBE e o Beta-i, para lançar duas iniciativas, em Portugal a SingularityU Portugal Global Impact Challenge, e o SingularityU Portugal Summit Cascais, o objetivo do primeiro programa passa por potenciar inovações disruptivas, para atacar e resolver os maiores problemas com que o mundo se confronta, nos campos da energia, ambiente, alimentação, abrigo, espaço, água, desastres naturais, organização, saúde, educação, prosperidade e segurança. Estas ‘inovações disruptivas’ são, na definição da SU, todas aquelas que tenham impacto em mil milhões de pessoas, num espaço de 10 anos.

A cimeira global que se vai realizar na próxima segunda e terça feiras vai reunir referências do mundo dos negócios das áreas como a ciência, tecnologia e inovação, empreendedores, e inovadores do futuro, para criar novas lógicas de inovação, tanto local como globalmente, proporcionar programação e conteúdos educacionais e de negócios em torno de múltiplas áreas ligadas à tecnologia e ainda debruçar-se-á sobre a disrupção tecnológica aplicada aos desafios da humanidade, numa altura em que a autarquia cascalense se prepara para apresentar um “grande projecto” na área da inteligência artificial (IA).

«Cascais tem muitas ambições neste campo, especialmente num ano em que será Capital Europeia da Juventude. A nossa visão é de que todos estes players vão encontrar em Cascais o local ideal para crescer e alimentar o seu talento, as suas ideias, e, quem sabe, criar novas empresas. Queremos continuar a fazer de Cascais um novo polo de educação e conhecimento e acreditamos no impacto que a inovação e a digitalização pode trazer a uma vila com as características especiais de Cascais, tornando-a, assim, no local ideal para testar novos conceitos no contexto de grandes centros urbanos», defende o presidente da Câmara Municipal de Cascais, Carlos Carreiras. «O propósito destas iniciativas passa por dar oportunidade a ideias que possam ter um impacto positivo na vida das pessoas, que sejam facilmente escaláveis e que tenham relevância global».

A plataforma colaborativa da SU visa capacitar indivíduos e organizações em todo o mundo para aprender, interligar e criar soluções inovadoras, usando tecnologias e ponta, como a inteligência artificial, robótica ou biologia digital. Com sede no NASA Research Park (Silicon Valley, EUA), a SU foi fundada em 2008 por inovadores como Ray Kurzweil e Peter H. Diamandis com financiamento de organizações de topo, como a Google, Deloitte, Nokia, CIsco e a UNICEF. Para saber mais, visite https://su.org, ou faça download da SingularityU Hub mobile app.


Sobre Cascais